Buscar
 
 

Resultados por:
 


Rechercher Busca avançada

Navegação
 Portal
 Índice
 Membros
 Perfil
 FAQ
 Buscar
Os membros mais ativos do mês

Quem está conectado
2 usuários online :: Nenhum usuário registrado, Nenhum Invisível e 2 Visitantes

Nenhum

[ Ver toda a lista ]


O recorde de usuários online foi de 13 em Sab Jun 08, 2013 3:07 pm

Acompanhamento escolar de agosto e setembro do Bolsa Família supera os 80%

Ir em baixo

Acompanhamento escolar de agosto e setembro do Bolsa Família supera os 80%

Mensagem  Henrique Leite em Qua Nov 30, 2011 11:32 am

Percentual representa 14,9 milhões de crianças e adolescentes entre 6 e 17 anos em sala de aula. É o segundo melhor resultado apresentado para o período, desde 2006


Brasília, 30 – O registro de frequência escolar de todas as crianças beneficiárias do Bolsa Família atingiu a meta de 86,8% de cobertura entre os meses de agosto e setembro. A porcentagem representa um total de 14,9 milhões de crianças e adolescentes entre 6 e 17 anos em sala de aula. É o segundo melhor resultado apresentado para o período, desde 2006, quando foi criado o Sistema Presença do Ministério da Educação.

Na avaliação por estados, destacam-se o Rio Grande do Norte (91,9%), seguido por Rio Grande do Sul (90,9%) e Piauí (90%). Ao analisar os estados de acordo com a região, o Sul ocupa o primeiro lugar, com 89,3% de registro escolar, acompanhado pelo Sudeste, com 87,3%, e Nordeste, com 86,8% (veja tabela).

Em setembro, foram registrados 657 mil casos de baixa frequência, o que representa 3,8% do público acompanhado. Considerando somente os beneficiários entre 6 e 15 anos, para os quais é exigido 85% de frequência, 97,5% tiveram frequência acima do mínimo.

O coordenador-geral de Acompanhamento das Condicionalidades do Ministério do Desenvolvimento Social e Combate à Fome (MDS), Marcos Maia, avalia que os municípios estão cada vez mais comprometidos com as contrapartidas do programa: “Os bons resultados mostram que a rede educacional brasileira está cumprindo seu papel”. Para ele, “mais importante do que informar os dados é garantir a permanência dos alunos nas escolas”.

Contrapartidas – No acompanhamento dos meses de agosto e setembro, todos os municípios coletaram as informações e, apenas dois não repassaram as informações completas desse registro até o prazo. “Vemos casos no Norte do país, por exemplo, de gestores que viajam quatro dias de barco para achar um computador e informar dentro do prazo e isso mostra que os municípios estão comprometidos e que as contrapartidas funcionam como forma de garantia de acesso ao direito a informação”, explica.

Apesar dos resultados positivos, o MDS alerta para a necessidade de localizar 1,97 milhões de crianças e adolescentes entre 6 e 17 anos que permanecem na situação de não-localizados. A quantidade representa 11,4% dos beneficiários em idade escolar.

Dentre os beneficiários que estão devidamente matriculados, mas que não registraram presença por diversos motivos, no período de agosto e setembro, foram identificados 2% dos estudantes. Os resultados confirmam a boa mobilização e a efetividade da rede de acompanhamento da frequência escolar coordenada pelo Ministério da Educação.

Fernanda Lattarulo
Ascom/MDS
(61) 3433-1070
www.mds.gov.br/saladeimprensa
avatar
Henrique Leite
Admin

Número de Mensagens : 72
Data de inscrição : 06/08/2008

Ver perfil do usuário http://cadunico.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum